PARA SUGESTÕES & ANÚNCIOS

© 2008  RPG Planet | Tchelo e Lina Pascon.

 Desenvolvido por Webcraft Comunicação Ltda.

Notícias!

RPG Planet vai marcar presença no lançamento da versão brasileira de D&D 5E
Conheça os Locathah, nova raça jogável de D&D 5E
Vampiro: A Máscara 5ª edição vai chegar ao Brasil pela Galápagos Jogos
Show More

Fórum

Mai 29

Como posso utilizar melhor a perícia: Natureza

2 comentários

Sei que tal perícia pode ser utilizada para os jogadores verem qual a planta "x" que encontram. Porém, ela poderia ser usada para mais que isso? Por exemplo, identificar uma criatura que encontrem no caminho, ou algum terreno pelo qual perambulam?

Mai 29Editado: Mai 29

Eu utilizaria testes de natureza para coisas como herbalismo, encontrar plantas medicinais/curativas, ou com efeitos venenosos, p.ex, ajudando na criação de elixires e venenos. Pode ajudar quando encontram inimigos que são plantas ou animais (tipo: "beast' no manual dos monstros). Você pode pedir um teste, p.ex, para saber que o olhar do basilisco funciona em si mesmo, e que portanto um espelho pode ser uma boa tática. É necessário ser um pouco criativo para tornar perícias úteis, e isso é parte responsabilidade do jogador, parte do DM. Sem um pouco de esforço, acaba virando um festival de testes de percepção/furtividade e nada mais. É importante valorizar as escolhas dos jogadores - quando a única pessoa do grupo que tem a perícia natureza faz um teste e contribui algo relevante para a aventura, vc pode ver que ela vai ficar bem orgulhosa.

Sobre a sua dica: Sim, é interessante utilizar desse modo. Acredito que poderia substituir, em partes, a perícia História, podendo dar mais dicas de como derrotar aquela criatura, que é vista com uma certa falicidade, de uma maneira a qual nos livros de biologia que alguém pode ter lido não haja.

 

Sobre as perícias: Concordo com o que você disse. Ando pensando muito em como otimizar as perícias para nenhuma delas ficar sem ser utilizada. Pois, se analisarmos, o básico de D&D já nos dá informações que às vezes são ignoradas pelo mestre/jogadores, um exemplo, seria a perícia Prestidigitação(Manusear ferramentas) e a Percepção passiva

Posts Mais Recentes
  • Daniel Marcos
    há 3 horas

    SONO 1° nível de encantamento Tempo de Conjuração: 1 ação Alcance: 36 metros Componentes: V, S, M (um punhado de areia fina, pétalas de rosas ou um grilo) Duração: 1 minuto Essa magia põem as criaturas num entorpecimento mágico. Jogue 5d8; o total é a quantidade de pontos de vida de criaturas afetados pela magia. As criaturas numa área de 6 metros de raio, centrada no ponto escolhido, dentro do alcance, são afetadas em ordem ascendente dos pontos de vida atuais delas (ignorando criaturas inconscientes). Começando com as criaturas com menos pontos de vida atuais, cada criatura afetada por essa magia cai inconsciente até a magia acabar, sofrer dano ou alguém usar sua ação para sacudi-la ou esbofeteá-la até acordar. Subtraia os pontos de vida de cada criatura do total antes de seguir para a próxima criatura com menos pontos de vida atuais. Os pontos de vida atuais da criatura devem ser iguais ou menores que o valor restante para que a criatura possa ser afetada. Mortos-vivos e criaturas imunes a serem enfeitiçadas não são afetadas por essa magia. Em Níveis Superiores. Quando você conjurar essa magia usando um espaço de magia de 2º nível ou superior, jogue 2d8 adicionais para cada nível do espaço acima do 1°. Aqui nesse ex: eu jogo de mago estou no lv5 tenho 4 espaço de mágia lv1 3 espaço de lv2 e 2 espaço de lv3. Sendo assim seu usar a magia no espaço de lv2, com se aplicaria. Ex: 5d8 +2d8 pra cada espaço que sobra, sendo assim ficaria 2 espaço sobrando q daria 4d8 +5d8 =9d8. Seria isso ou eu estou errado ? Me ajudem por favor.
  • Olá pessoal, está resistência que o bárbaro adquiri durante a fúria é contra dano mágico tbm, ou apenas não mágico?
  • Uggo Assunção
    há 2 dias

    Olá. Eu sou meio novato e tenho uma duvida sobre o termino da furia do bárbaro: Bem, segundo o texto, a furia teina se o barbaro nao atacar nenhuma criatura hostil desde o ultimo turno ou tiver sofrido dano nesse periodo. Mas eu nao entendi direito. Se o barbaro sofre um dano, entao a fúria acaba? Obrigado pela atenção.